Voltar para home page
Saúde

5 doenças reumáticas que precisam da sua atenção

As d  oenças reumáticas afetam toda a locomoção do paciente

As d oenças reumáticas afetam toda a locomoção do paciente

Doenças reumáticas - ou reumatismo, como são conhecidas - são aquelas que prejudicam, no geral, toda a nossa locomoção. Isso significa que elas afetam ossos, articulações, ligamentos e tendões, cartilagens e afins. Apesar dos mitos de que reumatismo é “coisa de gente velha”, as doenças reumáticas podem atingir não só idosos, mas crianças e jovens também. Conheça 5 delas que precisam muito da sua atenção.

1) Lombalgia: parece inocente, mas pode ser grave

Quem nunca sentiu aquela dor nas costas na região lombar? Seja por esforço, muito tempo em pé ou sentado ou motivos emocionais, como estresse, a lombalgia é uma dor que afeta as articulações da região lombar. Apesar de, na maioria das vezes, ser comum e apenas um sintoma passageiro, a lombalgia pode significar problemas mais graves, como a hérnia de disco ou bico de papagaio. Se a dor for persistente, o ideal é consultar um reumatologista para avaliar o caso de forma mais específica.

2) Artrite reumatoide: uma doença crônica

A artrite reumatoide é outra doença muito comum que afeta e inflama as articulações do corpo no geral, causando dor nas mãos, pés, pernas e braços. Apesar de ser muito comum em pessoas mais velhas, a artrite reumatoide pode atingir qualquer faixa etária. Por ser uma doença crônica, o acompanhamento com um reumatologista deve ser feito à risca e exige um tratamento com analgésicos e anti-inflamatórios para aliviar as dores.

3) Osteoporose: a fragilidade dos ossos

Os ossos são estruturas rígidas que sustentam o nosso corpo e são fundamentais para a nossa locomoção. Quando começam a ficar porosos e frágeis, é sinal de que a pessoa está sofrendo de osteoporose, doença degenerativa dos ossos que faz com que eles fiquem sensíveis e tenham a possibilidade de quebrar com esforços mínimos. A osteoporose é uma doença perigosa, que atinge em sua maioria idosos, e que precisa ser tratada principalmente com a ingestão e absorção de minerais como o cálcio e fósforo, que ajudam na saúde e no fortalecimento ósseo.

4) Gota: um alerta do ácido úrico

Doença popularmente chamada de Gota, é muito conhecida por atingir as articulações inferiores (de pés, pernas e joelhos). A enfermidade inflamatória crônica é causada pelo aumento de ácido úrico no sangue. A gota é uma doença extremamente dolorosa e as crises ocorrem mais à noite. Para ser controlada, precisa de medicamentos e alimentação adequada para normalizar os níveis do ácido no sangue. Um reumatologista deve avaliar o caso e indicar o melhor tratamento.

5) Febre reumática: o resultado de uma amigdalite mal curada

A febre reumática causa inflamações generalizadas nas articulações e chega a atingir o cérebro e o coração. Geralmente, é uma doença que surge quando a bactéria causadora da amigdalite, a Streptococcus, não foi curada de maneira adequada. Essa bactéria se alastra, causando dor, caroços no pescoço e doenças na pele. A febre reumática é uma doença séria, que pode causar sequelas no coração e no cérebro, podendo ser fatal. A consulta com um reumatologista e uma possível internação devem ser considerados.

Fonte: Sociedade Brasileira de Reumatologia

Últimas novidades

Os 10 alimentos mais ricos em fibras e os efeitos no seu organismo

Bem-estar

Os 10 alimentos mais ricos em fibras e os efeitos no seu organismo

Para manter a saúde em dia, é essencial ter cuidado com a alimentação. Uma dieta equilibrada e rica em nutrientes pode prevenir diversas doenças e ajudar a tratar outras. As fibras, por exemplo, não são nutrientes, mas são elementos essenciais para o sistema digestivo e que melhoram a função intestinal, prevenindo diversas doenças. Por isso, é muito importante ter uma alimentação abundante nessa substância. Descubra aqui 10 alimentos ricos em fibras para incluir na sua dieta.

Câncer de pele: tipos mais comuns, sintomas e tratamentos

Saúde

Câncer de pele: tipos mais comuns, sintomas e tratamentos

O câncer de pele é um dos mais frequentes no Brasil. Segundo o Inca (Instituto Nacional do Câncer), esse tipo de câncer representa 25% dos tumores malignos identificados no país, o que significa que cerca de 180 mil brasileiros são diagnosticados por ano com a doença. A principal causa desse tipo de câncer é o excesso de exposição solar, que resulta no crescimento descontrolado das células presentes na pele. O câncer de pele é discreto e normalmente se manifesta com pequenas pintas que crescem devagar, que às vezes nem parecem preocupantes. Por isso, é importante ficar atento a qualquer irregularidade na pele. Confira abaixo tudo sobre o câncer de pele!

Infarto do miocárdio: como identificar um ataque cardíaco?

Saúde

Infarto do miocárdio: como identificar um ataque cardíaco?

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), aproximadamente 17 milhões de pessoas morrem de problemas cardiovasculares, como o infarto do miocárdio, todos os anos no mundo. Em casos de ataque cardíaco, receber os cuidados médicos necessários o quanto antes pode salvar muitas vidas. Por isso, é fundamental ser capaz de identificar um infarto e saber o que fazer de imediato. Veja algumas dicas abaixo!

Quais as causas mais comuns das pedras na vesícula?

Saúde

Quais as causas mais comuns das pedras na vesícula?

As pedras na vesícula são mais comuns do que se imagina e podem aparecer por diferentes razões. A principal função da vesícula é servir de recipiente para a bile, um líquido produzido no tecido hepático que auxilia na digestão dos alimentos e seus nutrientes. Mas o que acontece quando esse órgão é afetado por um desequilíbrio? A bile começa a empedrar - e é aí que surgem os cálculos biliares, popularmente conhecidos como pedras na vesícula. Entenda mais abaixo!

Ver mais