Voltar para home page
Saúde

5 razões para ter um médico de família

Veja algumas razões para ter um médico de família!

Veja algumas razões para ter um médico de família!

Correr para um pronto-socorro quando acha que precisa de atendimento urgente é muito comum. O hábito pode acabar gerando filas exageradas e consultas apressadas, que muitas vezes resultam em diagnósticos errados. Pensando em evitar esse cenário, hoje é possível ter o atendimento de médicos de família. Você sabe como funciona a especialidade? Acompanhe a matéria e confira 5 razões para ter um médico de família.

#1 Médicos de família são capacitados em múltiplas áreas da saúde

Engana-se quem pensa que o médico de família não está preparado para resolver quaisquer problemas de saúde que possam surgir. Esse profissional é amplamente capacitado em diversas áreas da medicina e pode acompanhar o paciente por toda a vida, assim como a sua família. Ele lidera uma equipe de profissionais multidisciplinares, com o objetivo de fazer diagnósticos preventivos para evitar situações de emergência, mas também tem um cuidado especializado e personalizado em casos de necessidade de tratamento.

#2 O médico de família entende o contexto da doença

Imagine que um paciente, ao se consultar, relata ao seu médico alguns sintomas de diabetes de tipo 2. Sem analisar o contexto familiar e pessoal do paciente, provavelmente o diagnóstico demoraria um pouco mais. Por isso, é essencial que o médico questione sobre rotina do paciente e o histórico de doenças da família. O médico de família, por acompanhar o paciente em todas as fases da sua vida, consegue com mais facilidade entender o contexto da doença.

#3 O compromisso com o paciente fica em primeiro lugar

O médico de família tem o compromisso de estar disponível para qualquer problema de saúde em qualquer pessoa, independente da idade ou sexo, sem se limitar a apenas um problema de saúde em específico. O dever do médico de família começa antes mesmo de surgir qualquer problema de saúde.

#4 Com o médico de família sempre há uma chance para a educação para a saúde

Encarar todo o contato com os pacientes como uma oportunidade para promover educação e prevenção a saúde é um dos pontos positivos do médico de família. Para o médico de família todos os casos são importantes, um paciente que não tem tomado a vacina para sarampo é prioridade tanto quanto aquele que esteja se consultando para tratar de um quadro de hipertensão.

#5 Optar pelo médico de família é optar por qualidade

Os médicos de família podem ser encontrados em consultórios e unidades ambulatoriais ou de atenção primária próximas à sua residência. O paciente será acompanhado por uma equipe de saúde multidisciplinar, capitaneada por um médico de família, que o acompanha e coordena o seu cuidado. As consultas são personalizadas e feitas com calma: o médico conversa com o paciente sobre todo o seu histórico e estilo de vida atual, criando uma relação de confiança entre os dois.

Últimas novidades

Vacina para o novo coronavírus: conheça 2 pesquisas promissoras em andamento

Saúde

Vacina para o novo coronavírus: conheça 2 pesquisas promissoras em andamento

Os resultados de uma vacina contra a Covid-19 podem estar próximos. A pandemia do novo coronavírus alterou o modo de vida da sociedade. O isolamento social trouxe novas formas de consumo, hábitos e trabalho, além da forma como lidamos com a saúde. Desde então, muitos institutos de pesquisa espalhados pelo mundo estão estudando os efeitos do vírus e possibilidades de imunização.

Formigamento nas mãos: 5 principais motivos por trás do incômodo

Saúde

Formigamento nas mãos: 5 principais motivos por trás do incômodo

A sensação de formigamento nas mãos é algo comum para muita gente e, embora seja um sintoma simples, precisa de atenção. Isso porque diversos motivos podem estar por trás do formigamento, desde um problema de circulação até um Acidente Vascular Cerebral (AVC). O indicado é observar o quadro e, dependendo da forma como se manifesta, o atendimento médico pode ser necessário.

Quais as principais causas de queda de cabelo?

Saúde

Quais as principais causas de queda de cabelo?

A queda de cabelo é um problema muito comum, mas quando identificar se está perdendo mais fios do que o considerado saudável? O normal é que uma pessoa perca de 100 a 150 fios por dia de forma natural para que o cabelo cresça novamente. Quando a quantidade ultrapassa isso, é sinal de que pode haver um problema clínico por trás. A queda excessiva de cabelo pode ser observada na escovação diária, durante a lavagem ou até mesmo depois de acordar, quando se percebe muitos fios no travesseiro.

Como lidar com os distúrbios do sono na quarentena?

Bem-estar

Como lidar com os distúrbios do sono na quarentena?

A quarentena tem afetado, em grande parte da população, o modo de viver e de interagir com o mundo. Viver numa situação de pandemia também trouxe muita preocupação, que se reflete em ansiedade e distúrbios do sono. Insônia, sono muito leve, acordar várias vezes, não conseguir manter uma rotina de sono ou se sentir extremamente cansado mesmo depois de dormir bem são os problemas mais comuns nesse período de isolamento social.

Ver mais