Voltar para home page
Saúde

5 razões para ter um médico de família

Veja algumas razões para ter um médico de família!

Veja algumas razões para ter um médico de família!

Correr para um pronto-socorro quando acha que precisa de atendimento urgente é muito comum. O hábito pode acabar gerando filas exageradas e consultas apressadas, que muitas vezes resultam em diagnósticos errados. Pensando em evitar esse cenário, hoje é possível ter o atendimento de médicos de família. Você sabe como funciona a especialidade? Acompanhe a matéria e confira 5 razões para ter um médico de família.

#1 Médicos de família são capacitados em múltiplas áreas da saúde

Engana-se quem pensa que o médico de família não está preparado para resolver quaisquer problemas de saúde que possam surgir. Esse profissional é amplamente capacitado em diversas áreas da medicina e pode acompanhar o paciente por toda a vida, assim como a sua família. Ele lidera uma equipe de profissionais multidisciplinares, com o objetivo de fazer diagnósticos preventivos para evitar situações de emergência, mas também tem um cuidado especializado e personalizado em casos de necessidade de tratamento.

#2 O médico de família entende o contexto da doença

Imagine que um paciente, ao se consultar, relata ao seu médico alguns sintomas de diabetes de tipo 2. Sem analisar o contexto familiar e pessoal do paciente, provavelmente o diagnóstico demoraria um pouco mais. Por isso, é essencial que o médico questione sobre rotina do paciente e o histórico de doenças da família. O médico de família, por acompanhar o paciente em todas as fases da sua vida, consegue com mais facilidade entender o contexto da doença.

#3 O compromisso com o paciente fica em primeiro lugar

O médico de família tem o compromisso de estar disponível para qualquer problema de saúde em qualquer pessoa, independente da idade ou sexo, sem se limitar a apenas um problema de saúde em específico. O dever do médico de família começa antes mesmo de surgir qualquer problema de saúde.

#4 Com o médico de família sempre há uma chance para a educação para a saúde

Encarar todo o contato com os pacientes como uma oportunidade para promover educação e prevenção a saúde é um dos pontos positivos do médico de família. Para o médico de família todos os casos são importantes, um paciente que não tem tomado a vacina para sarampo é prioridade tanto quanto aquele que esteja se consultando para tratar de um quadro de hipertensão.

#5 Optar pelo médico de família é optar por qualidade

Os médicos de família podem ser encontrados em consultórios e unidades ambulatoriais ou de atenção primária próximas à sua residência. O paciente será acompanhado por uma equipe de saúde multidisciplinar, capitaneada por um médico de família, que o acompanha e coordena o seu cuidado. As consultas são personalizadas e feitas com calma: o médico conversa com o paciente sobre todo o seu histórico e estilo de vida atual, criando uma relação de confiança entre os dois.

Últimas novidades

O que é autismo? Entenda mais sobre o Transtorno do Espectro Autista

Saúde

O que é autismo? Entenda mais sobre o Transtorno do Espectro Autista

O autismo (ou Transtorno do Espectro Autista, o TEA) é uma condição psiquiátrica que atinge aproximadamente 2 milhões de pessoas no Brasil. O transtorno leva a alcunha de “espectro” por interferir e dificultar várias áreas do desenvolvimento humano: socialização, comunicação verbal e não-verbal, aprendizagem e emoções. O TEA pode se manifestar em diferentes níveis e intensidade, o que define quais áreas serão mais afetadas.

O que 30 minutos de caminhada por dia fazem por você?

Exercício físico

O que 30 minutos de caminhada por dia fazem por você?

Além de garantir um corpo mais saudável, fazer exercícios físicos pode prevenir muitas doenças. A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o sedentarismo o quarto maior fator de risco de morte no mundo, mas nem todos têm tempo ou dinheiro para, por exemplo, frequentar uma academia. Por outro lado, caminhar é uma alternativa simples, fácil e indicada para todas as idades. Descubra os benefícios que apenas 30 minutos de caminhada por dia podem fazer por você!

Quando a febre indica que é hora de procurar um médico?

Saúde

Quando a febre indica que é hora de procurar um médico?

A febre é um aumento da temperatura corporal e costuma ser um sinal de que algo não vai bem. Geralmente, é indicativo de que o organismo está combatendo alguma infecção causada por algum vírus ou bactéria. A febre pode ser um sintoma de uma simples gripe, mas também de doenças mais graves, como dengue, zika e chikungunya, por isso é muito importante saber a hora certa de trocar os cuidados caseiros pela ajuda médica.

7 sinais que indicam a depressão

Terapias

7 sinais que indicam a depressão

A depressão é uma doença psiquiátrica séria que atinge, em média, 2 milhões de pessoas por ano em todo o Brasil. Por muito tempo tratada como um momento breve de tristeza, a depressão está desenhando seus contornos na medicina e sendo considerada como realmente é: uma doença real, perigosa e que pode ser fatal se não tratada corretamente. Para isso, é necessário que o paciente receba o máximo de apoio de familiares e amigos, além de tratamento,. Se você suspeita que algum conhecido pode estar entrando em depressão, fique atento a 7 sinais que ele pode manifestar.

Ver mais