Voltar para home page
Saúde

Células-tronco: como funciona e como a tecnologia pode atuar em diversos tratamentos?

As células-tronco se desenvolvem ainda na fase embrionária

As células-tronco se desenvolvem ainda na fase embrionária

As células-tronco constituem uma tecnologia com muito potencial para revolucionar diversos tratamentos de saúde. Pesquisadores ao redor do mundo estudam as características e novas aplicações dessa inovação. As células-tronco se desenvolvem no organismo ainda na fase embrionária e, depois do nascimento, permanecem em pequena quantidade na maioria dos órgãos. A principal função é proporcionar uma renovação constante no local do corpo onde estão inseridas. É justamente por esse aspecto renovador que as células-tronco podem servir para reparar tecidos danificados. Câncer, doenças degenerativas, problemas cardíacos, mal de Parkinson e mal de Alzheimer são alguns casos que podem ser beneficiados com as pesquisas.

Quais são os tipos de células-tronco?

Os tipos mais comuns de células-tronco são:

Células-tronco embrionárias: encontradas na fase inicial da gestação, essas células podem se transformar em qualquer célula adulta do corpo ou na placenta. Ou seja, a célula-tronco embrionária pode evoluir para qualquer uma das mais de 200 células que compõem o organismo.

Células-tronco adultas: esse tipo é extraído, principalmente, na medula óssea e no material do cordão umbilical. Segundo a Rede Nacional de Terapia Celular (RNTC), cada órgão do corpo possui uma quantidade mínima de células-tronco que ajudam na regeneração das células durante a vida. Elas são menos funcionais do que as embrionárias.

Células-tronco induzidas: muitas pesquisas têm utilizado as células produzidas em laboratório a partir da pele. Basicamente, elas são reprogramadas para voltarem à fase de uma célula-tronco embrionária.

Como as células-tronco podem ser utilizadas?

Centenas de cientistas e centros de pesquisa têm utilizado as células-tronco na tentativa de encontrar caminhos para o tratamento de diversas doenças. De acordo com a Rede Nacional de Terapia Celular, os estudos sobre esse material são muito importantes para entender o desenvolvimento dos organismos e manutenção das células durante a vida - o que pode ser uma resposta para entender as modificações que o organismo passa ao ser afetado por alguma doença.

As pesquisas de terapia celular, por exemplo, buscam formas de substituir células doentes por outras que funcionem corretamente. Cientistas também têm estudado a possibilidade de utilizar as células-tronco no tratamento da diabetes tipo I. A ideia é estimular o pâncreas a voltar com a sua capacidade de produzir insulina. Atualmente, as células-tronco já são usadas para transplantes de medula óssea. O tratamento é utilizado para lidar com alguns tipos de leucemia, anemias e outras síndromes que atingem o sistema hematopoiético.

Últimas novidades

Como funciona a vacina contra HPV?

Saúde

Como funciona a vacina contra HPV?

A vacina contra HPV (Papilomavírus Humano) é uma das formas mais eficazes de prevenir a infecção, que pode ter vários tipos e níveis de gravidade. A transmissão ocorre pelo contato sexual ou de mãe para filho e pode atingir pele e mucosas. Além disso, algumas versões do vírus são agentes causadores de diversos cânceres, incluindo o do colo de útero - que, segundo a Organização Mundial da Saúde, afeta cerca de 290 milhões de mulheres no mundo inteiro. A vacina tem uma ação preventiva contra os tipos mais comuns da infecção e pode ser administrada ainda na adolescência.

Acidente Vascular Cerebral: o que é, causas e como prevenir

Emergência

Acidente Vascular Cerebral: o que é, causas e como prevenir

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é uma dos problemas mais comuns no mundo inteiro. Também conhecido com derrame cerebral, ele acontece por causas variadas e pode levar à morte - ou provocar consequências graves que afetam toda a vida do paciente. A junção de alguns sintomas ajudam a identificar o problema, que precisa de um atendimento médico imediato. O AVC ainda é cercado de mitos e dúvidas, mas uma coisa é certa: o problema pode ser evitado com atitudes simples no dia a dia.

4 benefícios cientificamente comprovados da meditação

Terapias

4 benefícios cientificamente comprovados da meditação

A meditação é um método milenar associado à saúde e ao bem-estar físico e mental. Não se sabe ao certo quando ou onde surgiu, já que a prática acompanha a humanidade desde os seus primórdios, mas uma coisa é certa: a meditação tem ganhado mais popularidade e, inclusive, é indicada no tratamento de diversos transtornos. O método pode ser resumido como um treinamento da mente para esvaziar ou redirecionar os pensamentos. Na prática, é muito mais do que isso e a ciência pode comprovar. Veja abaixo 4 benefícios da meditação com respaldo científico!

Vegetarianismo: o que você precisa considerar antes de fazer a transição?

Alimentação saudável

Vegetarianismo: o que você precisa considerar antes de fazer a transição?

Causa animal, saúde, cuidado com o meio ambiente ou consumo consciente: as motivações para uma pessoa se tornar vegetariana são muitas. O vegetarianismo consiste, basicamente, em não consumir produtos de origem animal (carnes, laticínios e ovos), com algumas variações. Uma pesquisa divulgada pelo Ibope (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística), em abril de 2018, mostrou o crescimento da prática no país: cerca de 14% dos brasileiros se consideram vegetarianos, um aumento de 75% em comparação a 2012. Não há contraindicação para esse tipo de dieta, mas é necessário que você faça um acompanhamento médico para adequar a alimentação sem prejudicar a sua saúde.

Ver mais