Voltar para home page
Exercício físico

Como retomar a rotina de exercícios físicos com segurança depois da pandemia?

Afinal, é seguro voltar a frequentar academias nesse momento?

Afinal, é seguro voltar a frequentar academias nesse momento?

Com a pandemia, muitos aspectos relacionados a nossa saúde tiveram que ser repensados. Se por um lado o isolamento social garante a não exposição ao novo coronavírus, por outro, a prática de exercícios físicos (tanto em academias quanto ao ar livre) foram interrompidas. Depois de quatro meses, muitas cidades estão passando pelo processo de flexibilização da quarentena, com a reabertura de alguns serviços. Afinal, essa é a melhor hora para voltar a frequentar uma academia ou correr na rua? Como garantir a segurança fora de casa? Listamos algumas dicas para te ajudar nesse retorno.

Volte a fazer exercícios físicos aos poucos

Um dos grandes problemas da falta de exercícios físicos durante a quarentena é o impulso de querer voltar no mesmo ritmo de antes, o que pode gerar dores e até mesmo uma lesão. É super importante você reorganizar os seus treinos e voltar à prática gradualmente. O corpo precisa se acostumar novamente com o ritmo de exercícios físicos regulares. Não esqueça dos alongamentos antes e depois das atividades, que podem ajudar muito nessa nova fase.

Tente começar em casa ou nas áreas sociais do seu prédio

Uma forma segura de retomar as atividades físicas é se adaptar dentro de casa. Outra opção é, se você morar em um condomínio, tentar fazer atividades nas áreas sociais do prédio, um espaço mais privado e que pode ter menor chance de contágio. Mesmo que você não disponha dos mesmos aparelhos que uma academia completa oferece, é uma chance de não ficar parado e ainda manter um pouquinho mais de segurança. Invista em exercícios que usem a força do corpo, como abdominais ou polichinelos.

Dê preferência aos exercícios ao ar livre

Se você não tem espaço em casa para se exercitar, dê preferência às atividades físicas que possam ser praticadas ao ar livre. Caminhada, corrida e bicicleta são opções viáveis e que podem ser feitas mantendo o distanciamento social. Escolha parques, praias ou ruas com pouca movimentação de pessoas para as práticas. Os exercícios ao ar livre se tornam mais seguros porque o ar não fica concentrado em um só lugar, dificultando a contaminação, mas nesse período é super importante manter o distanciamento e não abrir mão da máscara.

O distanciamento social na academia é essencial

Se você optar por retornar a rotina de treinos na academia, o distanciamento é essencial entre um aparelho e outro. Outra coisa importante é não compartilhar toalhas, garrafinhas de água e objetos pessoais na academia. O uso da máscara em todos os lugares é indispensável, mas por conta do suor, sempre leve uma reserva, pois a máscara úmida perde seu efeito de proteção contra o vírus.

Últimas novidades

Vacina para o novo coronavírus: conheça 2 pesquisas promissoras em andamento

Saúde

Vacina para o novo coronavírus: conheça 2 pesquisas promissoras em andamento

Os resultados de uma vacina contra a Covid-19 podem estar próximos. A pandemia do novo coronavírus alterou o modo de vida da sociedade. O isolamento social trouxe novas formas de consumo, hábitos e trabalho, além da forma como lidamos com a saúde. Desde então, muitos institutos de pesquisa espalhados pelo mundo estão estudando os efeitos do vírus e possibilidades de imunização.

Formigamento nas mãos: 5 principais motivos por trás do incômodo

Saúde

Formigamento nas mãos: 5 principais motivos por trás do incômodo

A sensação de formigamento nas mãos é algo comum para muita gente e, embora seja um sintoma simples, precisa de atenção. Isso porque diversos motivos podem estar por trás do formigamento, desde um problema de circulação até um Acidente Vascular Cerebral (AVC). O indicado é observar o quadro e, dependendo da forma como se manifesta, o atendimento médico pode ser necessário.

Quais as principais causas de queda de cabelo?

Saúde

Quais as principais causas de queda de cabelo?

A queda de cabelo é um problema muito comum, mas quando identificar se está perdendo mais fios do que o considerado saudável? O normal é que uma pessoa perca de 100 a 150 fios por dia de forma natural para que o cabelo cresça novamente. Quando a quantidade ultrapassa isso, é sinal de que pode haver um problema clínico por trás. A queda excessiva de cabelo pode ser observada na escovação diária, durante a lavagem ou até mesmo depois de acordar, quando se percebe muitos fios no travesseiro.

Como lidar com os distúrbios do sono na quarentena?

Bem-estar

Como lidar com os distúrbios do sono na quarentena?

A quarentena tem afetado, em grande parte da população, o modo de viver e de interagir com o mundo. Viver numa situação de pandemia também trouxe muita preocupação, que se reflete em ansiedade e distúrbios do sono. Insônia, sono muito leve, acordar várias vezes, não conseguir manter uma rotina de sono ou se sentir extremamente cansado mesmo depois de dormir bem são os problemas mais comuns nesse período de isolamento social.

Ver mais