Voltar para home page
Exercício físico

Crossfit: como funciona, os benefícios e cuidados que você deve ter com a prática

Crossfit se tornou muito popular nos últimos anos. Veja os benefícios e cuidados com a prática.

Crossfit se tornou muito popular nos últimos anos. Veja os benefícios e cuidados com a prática.

O crossfit é uma modalidade esportiva que se tornou muito popular nos últimos anos. Os treinos levam elementos do atletismo, levantamento de peso e até algumas técnicas de ginástica olímpica, o que resulta em uma atividade de alta intensidade capaz de contribuir para perda de peso, crescimento muscular, aumento da força e mais resistência. Nas academias, é comum ver pessoas treinando com cordas, bolas, pneus e outros objetos inusitados. Mas, atenção! É preciso alguns cuidados antes de inserir o exercício físico na sua vida, como sua condição física e se tem alguma doença. Explicamos abaixo as principais coisas que você precisa saber sobre o crossfit!

Crossfit: de onde surgiu e como consiste o treinamento?

O crossfit nasceu na década de 1990, nos Estados Unidos. Inspirado em treinamentos militares, Greg Glassman desenvolveu o método que basearia a modalidade: um exercício funcional que não se prende a nenhuma modalidade específica, mas a uma combinação de várias técnicas. O treinamento segue uma dinâmica mais explosiva com saltos, corrida, agachamentos, levantamento de peso e movimentos que usam o peso corporal do praticante.

O treino de crossfit geralmente é composto por três partes: aquecimento, alongamento e preparo e, por último, o chamado WOD (Workout of the Day), que é a execução do exercício com mais intensidade e menos intervalos.

Veja 3 benefícios do crossfit para a saúde

Assim como qualquer outra atividade física, o crossfit praticado com responsabilidade pode garantir muitos benefícios à saúde. Veja alguns

  • Combate a obesidade

A alta intensidade do crossfit é um aliado no emagrecimento e ajuda a combater a obesidade e sobrepeso. A estimativa é que um treino queime entre 800 e 1500 calorias. Isso ocorre porque esse tipo de exercício precisa queimar as reservas de energia do corpo (armazenadas como gordura). A obesidade é um dos principais causadores de doenças cardiovasculares e outros problemas graves de saúde. Além disso, o crossfit leva a resultados mais rápidos que outras modalidades.

  • Fortalece os ossos

Silenciosa, a osteoporose é uma doença que se desenvolve ao longo da vida e geralmente só se manifesta na velhice. Por isso, é muito importante começar a fortalecer músculos e ossos desde cedo. A diversidade de atividades dentro de um treino de crossfit contribui muito para isso, já que é possível trabalhar vários grupos musculares em cada execução.

  • Melhora diversas aptidões físicas

Um dos benefícios do crossfit é a pluralidade de aptidões trabalhadas durante um treino. Resistência muscular, força, sistemas cardiovascular e respiratório, coordenação, equilíbrio, flexibilidade, entre outros. A alta intensidade do exercício ajudará a potencializar a performance nessas áreas.

Cuidados essenciais para praticar crossfit

O dinamismo do crossfit funciona bem com pessoas que não se adaptam muito bem a um treino fechado, como geralmente ocorre com a musculação, por exemplo. Como qualquer atividade física, é fundamental visitar o seu médico para uma avaliação geral de saúde. O médico vai avaliar sua resistência e se há alguma doença que impede a prática.

Por mais que seja uma atividade que exige muita resistência física, é possível começar do zero com um treinamento mais leve, que vai ajudar o praticante a evoluir aos poucos. Por isso, também é importante buscar academias confiáveis e com profissionais qualificados que te acompanharão em todas as fases do treino. Por último (e não menos importante, é preciso respeitar os próprios limites e só avançar na intensidade e cargas de peso quando estiver pronto. Essa atitude preventiva evitará lesões e outros problemas decorrentes da prática inadequada.

Últimas novidades

Como funciona a vacina contra HPV?

Saúde

Como funciona a vacina contra HPV?

A vacina contra HPV (Papilomavírus Humano) é uma das formas mais eficazes de prevenir a infecção, que pode ter vários tipos e níveis de gravidade. A transmissão ocorre pelo contato sexual ou de mãe para filho e pode atingir pele e mucosas. Além disso, algumas versões do vírus são agentes causadores de diversos cânceres, incluindo o do colo de útero - que, segundo a Organização Mundial da Saúde, afeta cerca de 290 milhões de mulheres no mundo inteiro. A vacina tem uma ação preventiva contra os tipos mais comuns da infecção e pode ser administrada ainda na adolescência.

Acidente Vascular Cerebral: o que é, causas e como prevenir

Emergência

Acidente Vascular Cerebral: o que é, causas e como prevenir

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é uma dos problemas mais comuns no mundo inteiro. Também conhecido com derrame cerebral, ele acontece por causas variadas e pode levar à morte - ou provocar consequências graves que afetam toda a vida do paciente. A junção de alguns sintomas ajudam a identificar o problema, que precisa de um atendimento médico imediato. O AVC ainda é cercado de mitos e dúvidas, mas uma coisa é certa: o problema pode ser evitado com atitudes simples no dia a dia.

4 benefícios cientificamente comprovados da meditação

Terapias

4 benefícios cientificamente comprovados da meditação

A meditação é um método milenar associado à saúde e ao bem-estar físico e mental. Não se sabe ao certo quando ou onde surgiu, já que a prática acompanha a humanidade desde os seus primórdios, mas uma coisa é certa: a meditação tem ganhado mais popularidade e, inclusive, é indicada no tratamento de diversos transtornos. O método pode ser resumido como um treinamento da mente para esvaziar ou redirecionar os pensamentos. Na prática, é muito mais do que isso e a ciência pode comprovar. Veja abaixo 4 benefícios da meditação com respaldo científico!

Vegetarianismo: o que você precisa considerar antes de fazer a transição?

Alimentação saudável

Vegetarianismo: o que você precisa considerar antes de fazer a transição?

Causa animal, saúde, cuidado com o meio ambiente ou consumo consciente: as motivações para uma pessoa se tornar vegetariana são muitas. O vegetarianismo consiste, basicamente, em não consumir produtos de origem animal (carnes, laticínios e ovos), com algumas variações. Uma pesquisa divulgada pelo Ibope (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística), em abril de 2018, mostrou o crescimento da prática no país: cerca de 14% dos brasileiros se consideram vegetarianos, um aumento de 75% em comparação a 2012. Não há contraindicação para esse tipo de dieta, mas é necessário que você faça um acompanhamento médico para adequar a alimentação sem prejudicar a sua saúde.

Ver mais