Voltar para home page
Saúde

Descubra 6 mitos e verdades sobre saúde bucal

O cuidado com a saúde bucal é cercado de dúvidas

O cuidado com a saúde bucal é cercado de dúvidas

Para deixar os dentes brancos ou perfeitos, muitas pessoas acabam seguindo dicas que surgem na internet ou conselhos de familiares sobre saúde bucal. Entretanto, nem sempre essas informações são corretas. Veja alguns mitos e verdades que o seu dentista gostaria que você soubesse.

Dente e gengiva saudável influenciam a saúde geral?

VERDADE - E vice e versa também. Uma infecção de um dente pode provocar uma endocardite (inflamação do coração), e em casos mais graves uma septicemia (infecção grave no sangue). Doenças gengivais podem ser fatores de risco para doenças como diabetes e cardiopatias.

Passar fio dental faz a gengiva sangrar

MITO - Se a gengiva sangra ao passar o fio dental, significa que ela está inflamada. A principal causa de inflamação da gengiva é a placa de bactérias que se forma continuamente sobre os dentes. Portanto, se a gengiva sangra é preciso procurar um dentista para resolver esse problema.

Aparelho ortodôntico pode provocar perda óssea e perda de dentes

VERDADE - Os dentes são movimentados pela reabsorção e nova formação óssea. Se o movimento não for planejado de forma correta, pode ocorrer reabsorção óssea maior que a desejada. Por isso é importante fazer o tratamento com um profissional qualificado.

Passar o fio dental "arranca" restauração

MITO - Se a restauração saiu com o uso do fio dental é por que ela já estava solta, quebrada ou com uma infiltração muito grande. Qualquer que seja o motivo, essa restauração estava em péssimas condições e não deveria mais estar na boca. É necessário fazer uma nova restauração em condições mais adequadas.

Nem tudo que está na internet é de verdade

VERDADE – Hoje, não é difícil manipular imagens e não existe controle sobre o que é falado. Há uma série de histórias vendidas na internet e YouTube que não funcionam. Sempre que aparecer algo infalível, fique atento e pergunte ao seu dentista.

Mau hálito sempre é um problema de estômago

MEIA VERDADE - Pode sim ser um problema de estômago, mas na grande maioria o problema está na boca: placa bacteriana, inflamação da gengiva, cárie, focos de infecção, saburra da língua. Procure seu dentista para avaliar e te ajudar sempre que necessário.

Fonte: Patrícia Izabel Colombo

Últimas novidades

Saúde mental na adolescência e juventude: há sempre uma saída!

Saúde

Saúde mental na adolescência e juventude: há sempre uma saída!

A saúde mental na adolescência e juventude é um assunto muito importante e que deve ser falado. Essa é uma fase de mudanças em todos os sentidos, que quase sempre vêm acompanhadas de dúvidas e cobranças.  Qual profissão devo seguir? Como conseguir emprego? Será que devo me casar? Está na hora de ter filhos? Aluguel ou casa própria? Se pudéssemos olhar dentro da mente de um jovem, certamente encontraremos mais perguntas do que respostas.

Psicólogo ou psiquiatra: entenda o papel dos especialistas em saúde mental

Terapias

Psicólogo ou psiquiatra: entenda o papel dos especialistas em saúde mental

Nem todo mundo sabe quais são as diferenças entre psicólogo e psiquiatra, mas cada profissional tem uma função bem específica dentro do campo da saúde mental. Tudo começa, inclusive, pela formação de cada profissional, já que são especializados em áreas diferentes. Em muitos casos, o psicólogo e o psiquiatra trabalham em conjunto e de forma complementar, cada um auxiliando em um aspecto da vida do paciente.

Como é feito o tratamento de canal?

Odontologia

Como é feito o tratamento de canal?

Cuidar da saúde dos dentes é fundamental para manter um sorriso bonito. Consultas regulares ao dentista são super importantes, pois alguns procedimentos de rotina são necessários e somente o especialista poderá avaliar, por exemplo, quando realizar o tratamento de canal.  Só de ouvir o nome, a maioria das pessoas tem receio de realizar esse procedimento. Para esclarecer como é realizado o tratamento de canal, quais são as etapas e quais os cuidados necessários após o procedimento, o Cuidados Mil preparou uma matéria com tudo o que você precisa saber sobre esse assunto.

Qual a importância das vacinas para prevenir doenças e garantir a saúde da população?

Saúde

Qual a importância das vacinas para prevenir doenças e garantir a saúde da população?

Com a pandemia do novo coronavírus, as vacinas voltaram a ser a prioridade entre a comunidade científica e a própria população. O que poucos sabem é que as vacinas fazem parte da realidade há séculos e são consideradas umas das principais medidas preventivas contra doenças graves. No Brasil, a vacina surgiu em 1804 para combater a varíola, um quadro contagioso e muito perigoso para a época, mas que já foi erradicado depois de uma campanha de vacinação em massa organizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) por volta de 1970. Ainda assim, muitas pessoas não entendem o processo de desenvolvimento de imunizações e nem a importância de não deixar de se vacinar.

Ver mais