Voltar para home page
Saúde

Entenda como funciona o sistema linfático do corpo humano

Saiba mais sobre as funções do sistema linfático, parte das defesas do organismo contra diversas doenças

Saiba mais sobre as funções do sistema linfático, parte das defesas do organismo contra diversas doenças

O sistema linfático engloba um complexo conjunto de órgãos, tecidos, vasos e dutos que se distribuem por todo o corpo. Sua principal função é a produção de células de defesa do organismo, o que fortalece o nosso sistema imunológico. Além disso, o sistema linfático também é responsável por filtrar e drenar o excesso de líquido do corpo, eliminando impurezas e “devolvendo” o sangue purificado para o nosso organismo. Ou seja, na prática isso quer dizer que qualquer parte do corpo que possua circulação sanguínea tem também a circulação linfática (embora não usem os mesmos vasos, eles “dialogam”). Para facilitar a compreensão desse complexo sistema, reunimos algumas informações sobre o assunto.

Afinal, como funciona o sistema linfático?

Em primeiro lugar, é necessário entender o que é a linfa: trata-se de um líquido esbranquiçado que circula dentro dos vasos linfáticos composto por leucócitos (glóbulos brancos) e linfócitos, que são as células responsáveis pela defesa e imunidade do corpo. A linfa, por sua vez, é transportada pelos vasos linfáticos até chegar aos linfonodos, onde ela é filtrada. Durante esse processo, toda e qualquer substância “estranha” que esteja contida na linfa é eliminada, como os vírus e as bactérias.

Anatomia do sistema linfático: conheça os órgãos desse complexo sistema

Os tecidos linfáticos podem ser encontrados em diferentes parte do corpo humano. O baço, por exemplo, é um dos principais órgãos desse sistema e fica localizado na parte superior esquerda do abdômen. Ele cumpre um papel muito importante, sendo responsável pela filtragem do sangue e também pelo armazenamento dos linfócitos, funcionando como uma espécie de “banco de sangue” para situações de emergência.

A medula óssea é outro órgão essencial, pois é lá que acontece a produção de novas células sanguíneas, inclusive alguns linfócitos. Já o timo é uma glândula que fica na região do tórax e desempenha a função de desenvolver e multiplicar os linfócitos T que vieram da medula óssea para, enfim, distribuí-los pelos tecidos linfáticos, onde eles são ativados para aumentar a resposta imune do organismo. Os linfonodos, como já foi dito, são os órgãos que limpam a linfa e estão espalhados por diversas partes do corpo, como tórax, abdômen e pelve.

Doenças como o câncer e a elefantíase podem afetar o sistema linfático

É importante ter atenção com a saúde em geral, pois o desenvolvimento de algumas doenças pode provocar alterações no funcionamento do sistema linfático. Uma delas é o câncer, que pode ser de dois tipos: linfoma e leucemia. No primeiro caso, o crescimento descontrolado de linfócitos acaba desencadeando o tumor e “contaminando” o sistema linfático. Já no caso da leucemia, os glóbulos brancos (leucócitos) é que são afetados, resultando em um acúmulo de células doentes na medula óssea. Além dessas, outras doenças também podem afetar esse sistema, como é o caso da elefantíase e do linfedema.

Últimas novidades

Exercício físico em casa: a pandemia é mais um motivo para ele ser seu grande aliado

Exercício físico

Exercício físico em casa: a pandemia é mais um motivo para ele ser seu grande aliado

Fazer atividade física sempre foi importante - e isso não é segredo para ninguém. Durante a pandemia do coronavírus, a população teve que ajustar sua rotina de exercícios para uma nova realidade. As academias ficaram fechadas por um tempo e algumas pessoas ainda não se sentem seguras para correr ou fazer qualquer outra atividade nas ruas.

Como escovar os dentes corretamente? Veja o passo a passo para não errar!

Odontologia

Como escovar os dentes corretamente? Veja o passo a passo para não errar!

Cuidar da higiene bucal é algo que deve fazer parte da rotina. Além de garantir um sorriso mais limpo, bonito e saudável, essa é a maneira mais eficiente de evitar problemas como a cárie, o tártaro e a gengivite. De uma maneira geral, a recomendação é que a escovação dos dentes seja feita pelo menos três vezes ao dia após as principais refeições - café da manhã, almoço e jantar.

Acupuntura: entenda o que é essa terapia, indicações e efeitos na saúde

Terapias

Acupuntura: entenda o que é essa terapia, indicações e efeitos na saúde

A acupuntura é uma técnica oriental que consiste no uso de agulhas em partes específicas do corpo com o objetivo de melhorar o bem-estar individual e promover o equilíbrio do corpo. Inclusive, a acupuntura é tão benéfica que vem sendo cada vez mais indicada como terapia complementar para diversas doenças que afetam a parte física e psicológica. Para entender melhor como o procedimento funciona, para quem ele é indicado e quais são os benefícios da acupuntura para o corpo, o Cuidados Mil reuniu as principais informações sobre isso. Confira!

Como a endoscopia é feita e quais as recomendações?

Saúde

Como a endoscopia é feita e quais as recomendações?

Você já ouviu falar na endoscopia? Este exame médico coleta imagens em tempo real das cavidades do sistema digestivo, sendo fundamental para o diagnóstico de doenças e até alguns tratamentos. Ele é realizado com um nível de sedação que vai depender da complexidade do procedimento, que pode ser tanto para avaliar uma gastrite quanto retirar tumores. Veja abaixo como o exame é feito, para que serve e quais são os casos recomendados para se fazer a endoscopia.

Ver mais