Voltar para home page
Bem-estar

O que são cuidados paliativos e como o método melhora a vida dos pacientes?

Cuidados paliativos ajudam a reduzir o sofrimento dos pacientes

Cuidados paliativos ajudam a reduzir o sofrimento dos pacientes

Os cuidados paliativos são uma tendência nos atendimentos de saúde - e de vital importância para trazer conforto e um olhar humanizado a quem mais precisa. O método se caracteriza por uma série de medidas tomadas por uma equipe multiprofissional. O objetivo dos cuidados paliativos é melhorar a qualidade de vida e reduzir o sofrimento causado por doenças graves, de rápida progressão ou que colocam em risco a vida do paciente.

Tratamento paliativo garante acolhimento a pacientes

É importante esclarecer sobre um mito: os cuidados paliativos não são direcionados apenas a pacientes com câncer terminal. Hoje em dia, o método é de extrema importância para o paciente e também para familiares e quem mais conviva com ele. Essas medidas devem ser iniciadas o mais breve possível - de preferência, logo após o diagnóstico.

Segundo o geriatra Tiago Pugliese, da equipe de cuidados paliativos do Grupo Americas, esse atendimento garante que o indivíduo se sinta acolhido em todas as etapas do tratamento - reduzindo o impacto da doença na vida pessoal, profissional e social e ajudando a lidar com a descoberta de uma enfermidade.

Profissionais envolvidos e aspectos abordados

Com a finalidade de melhorar os diversos aspectos da vida do paciente, os cuidados paliativos são realizados por uma equipe composta por diferentes profissionais. Entre eles podem estar fisioterapeutas, dentistas, nutricionistas, farmacêuticos, enfermeiros, médicos, assistentes sociais, psicólogos e até assistentes espirituais.

Veja quais pontos importantes podem ser observados por esse corpo clínico:

- Físicos: para alívio de dores e efeitos colaterais relacionados aos tratamentos e sintomas da doença.
- Mentais: para prevenção de problemas como ansiedade e depressão, que podem surgir a partir do diagnóstico.
- Sociais: para melhora da qualidade de vida com foco em hábitos, relacionamentos e melhora dos ambientes que o paciente frequenta.
- Práticos: para garantir que o indivíduo continue realizando suas atividades de rotina, como cuidar da casa e ir ao banco.
- Espirituais: para que o paciente mantenha a prática de suas crenças religiosas e utilize delas para renovar sua energia e motivação para viver.

Fontes: Dra. Ana Beatriz Kinupe e Dr. Tiago Pugliese Branco

Últimas novidades

Mitos e verdades sobre o reajuste de plano de saúde

Saúde

Mitos e verdades sobre o reajuste de plano de saúde

Algumas dúvidas podem surgir quando o assunto é reajuste do plano de saúde. Afinal, quem calcula o valor? É possível ficar acima do IPCA? Posso ser cobrado duas vezes? Saiba a resposta para essas e outras perguntas no conteúdo que preparamos para você. Confira!

Saiba mais sobre o reajuste de plano de saúde para planos individuais

Plano de saúde

Saiba mais sobre o reajuste de plano de saúde para planos individuais

A taxa de reajuste no valor dos planos de saúde ocorre todos os anos. Essa porcentagem nem sempre é a mesma da inflação e, por isso, muitos ficam em dúvida sobre como esse cálculo é feito. Para ajudar, confira o conteúdo que preparamos com as regras para planos de Pessoa Física.

Vacinação: quais são as vacinas recomendadas para adultos e a importância de se proteger

Saúde

Vacinação: quais são as vacinas recomendadas para adultos e a importância de se proteger

Assim como as crianças, os adultos também têm um calendário de vacinação a cumprir. Além da vacina anual contra gripe, o Ministério da Saúde recomenda quatro imunizações para pessoas entre 20 e 59 anos que possuem o esquema vacinal completo (quem não tem o calendário atualizado precisa procurar um serviço para atualização). Parte da população, porém, só toma vacinas em grandes campanhas ou em caso de epidemias - O CVE (Centro de Vigilância Epidemiológica) alerta que os índices de cobertura vacinal estão abaixo do nível ideal de cobertura. Estima-se uma média de apenas 4,7%.

Conheça os alimentos mais ricos em Vitamina C

Alimentação saudável

Conheça os alimentos mais ricos em Vitamina C

A vitamina C é um nutriente essencial para a saúde e bom funcionamento do corpo humano. Reconhecida pelo alto poder antioxidante, ela é capaz de melhorar a imunidade e deixar o organismo mais forte para agir contra doenças causadas por microorganismos. Por isso a vitamina C é muito associada com a prevenção de problemas respiratórios, que aparecem com mais frequência no inverno. Encontrada em frutas cítricas e outros vegetais, o nutriente também é responsável pela produção do colágeno: essa proteína muito associada à beleza é fundamental para a sustentação dos tecidos, ossos, dentes e parede dos vasos sanguíneos.

Ver mais