Voltar para home page
Alimentação saudável

O que você deve considerar antes de fazer uma reeducação alimentar?

A reeducação alimentar é um processo de mudanças de hábitos

A reeducação alimentar é um processo de mudanças de hábitos

Você com certeza já ouviu falar da reeducação alimentar. Mais que uma dieta, a redefinição da forma como você come é uma mudança de vida: ou melhor, a transformação de hábitos para uma vida mais saudável. Uma alimentação equilibrada ajuda a manter a sua energia no nível ideal, melhora o sono e pode até te ajudar a lidar com problemas psicológicos. Além, claro, de prevenir muitas doenças graves. Sendo esportista ou não, querendo emagrecer ou não, é certo que a população precisa reaprender a se alimentar corretamente. Antes de começar, porém, você deve considerar algumas coisas. Confira!

Reeducação alimentar não é privação e nem dieta: é um processo de transformação

Muitas pessoas mergulham na reeducação alimentar com a expectativa de dieta milagrosa que vai resolver os problemas de saúde e emagrecer em pouco tempo. A grande realidade, no entanto, é que a reeducação alimentar é um processo. Dietas têm início, meio e fim. Já a reeducação alimentar é, de fato, reaprender a comer para o resto da vida. Não há privações na reeducação alimentar, mas sim comer de tudo da maneira correto.

Apesar de não ser restrito, esse não é um processo fácil. É por isso que é muito importante que você não faça essa transição por conta própria. O acompanhamento de um nutricionista é fundamental.

Mudanças de hábitos são essenciais para fazer a reeducação alimentar

Para quem pensa que apenas comer melhor é suficiente para começar a reeducação alimentar, pode parar por aí. A reeducação alimentar requer uma mudança profunda para um estilo de vida mais saudável, o que significa que não só a alimentação deve mudar. Para dar certo, ela deve estar aliada com outras mudanças de hábitos: praticar atividade física com regularidade, reduzir o consumo de bebidas alcoólicas e abandonar o cigarro são alguns dos costumes que devem ser pensados.

Além de aumentar o consumo de verduras, legumes e frutas e reduzir a ingestão de alimentos ultraprocessados e gordurosos - como o fast food, refrigerantes e frituras -, outra coisa que precisa da sua atenção é a quantidade de água bebida por dia. Ela é essencial para filtrar as impurezas do corpo, mantê-lo sempre hidratado, saudável e fortalecer o funcionamento de órgãos internos, como fígado, intestino e rins.

Reeducação alimentar: reflita sobre os seus hábitos na hora de comer

O mais importante na reeducação alimentar é tomar consciência do que se está comendo. Aquele alimento realmente tem uma origem interessante? Vale a pena comer aquilo só para saciar um desejo? A alimentação ultraprocessada (doces, hambúrguer, frituras, refrigerantes em excesso) está se tornando um vício? A reflexão sobre a comida é o ponto fundamental para que a reeducação alimentar realmente dê certo. Na dúvida, converse com o seu nutricionista!

Últimas novidades

Câncer de ovário: causas, como identificar e tratamentos

Saúde

Câncer de ovário: causas, como identificar e tratamentos

O câncer de ovário é difícil de ser diagnosticado, sendo a segunda neoplasia ginecológica mais comum. Esse tipo de câncer é o mais letal entre os cânceres ginecológicos. Mais frequente em mulheres com mais de 40 anos, o câncer de ovário demora a apresentar sintomas, o que resulta no diagnóstico tardio. Estima-se que cerca de 75% dos casos são diagnosticados quando a doença já está avançada.

Como manter a diabetes controlada?

Saúde

Como manter a diabetes controlada?

A diabetes é uma doença metabólica em que o corpo não consegue produzir uma quantidade suficiente de insulina, hormônio responsável pelo controle da glicose no sangue. Com a falta da substância, o paciente diabético sofre com o aumento do nível de glicose na corrente sanguínea, que é o que chamamos de hiperglicemia. Segundo o Ministério da Saúde, estima-se que 9 milhões de pessoas têm diabetes, e infelizmente esse é um número que só cresce a cada ano. Então, o que fazer para manter a diabetes controlada? Separamos algumas dicas que podem ajudar no problema.

Escutar música alta pode comprometer a audição?

Saúde

Escutar música alta pode comprometer a audição?

Ouvir música é um hábito que faz parte da vida de muita gente. Basta ir às ruas e observar a quantidade de pessoas com fones de ouvido imersos em seu próprio universo para se dar conta de como a música está presente em todo lugar. No entanto, é importante ficar atento ao volume e a frequência desse hábito. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), quase 50% das pessoas entre 12 e 35 anos correm o risco de sofrer perda auditiva por causa da exposição prolongada e excessiva a sons muito altos, o que corresponde a 1,1 bilhão da população.

Exercícios físicos na gravidez: qual a importância e os cuidados durante a prática

Exercício físico

Exercícios físicos na gravidez: qual a importância e os cuidados durante a prática

Quando uma mulher está grávida, surgem muitas dúvidas sobre a realização de atividades físicas durante a gestação e como isso deve ser feito sem prejudicar a saúde da nova mamãe ou do bebê que está a caminho. É importante conversar com o obstetra antes de dar início a essa rotina, mas geralmente os exercícios físicos são bastante benéficos para o desenvolvimento da gestação. Para entender melhor quais são os benefícios dessa prática, quais são os exercícios físicos mais indicados para mulheres grávidas e que cuidados são necessários, o Cuidados Mil preparou uma matéria com tudo que você precisa saber sobre o assunto.

Ver mais