Voltar para home page
Exercício físico

Quedas em idosos: conheça as causas e saiba como prevenir

Quedas em idosos podem desencadear problemas de saúde mais sérios

Quedas em idosos podem desencadear problemas de saúde mais sérios

As quedas em idosos são comuns e costumam desencadear problemas mais graves. Segundo o Ministério da Saúde, a fratura de fêmur causada por esse tipo de incidente é as mais comuns em idosos a partir dos 60 anos. O geriatra Gustavo Cassefo, do Grupo Americas, afirma que a situação implica em dores e acaba limitando as atividades, reduzindo a mobilidade e, em alguns casos, tornando o paciente dependente de cuidadores.

Métodos de prevenção de quedas em idosos

Adaptar a casa é uma maneira importante de evitar esses acidentes. Instale barras de sustentação em banheiros e corrimãos onde houver escadas. Além disso, é importante deixar os ambientes bem iluminados e tirar do caminho tudo o que propicie as quedas, como móveis baixos, tapetes escorregadios e objetos espalhados pelo chão.

Para evitar os acidentes fora de casa, invista em calçados antiderrapantes sem cadarços (ou certifique-se de que estejam sempre bem amarrados). Evite caminhar sobre pisos úmidos ou encerados e, se necessário, faça uso de instrumentos de apoio, como bengalas - procurando ajuda profissional para adaptá-los conforme a necessidade. Além de prevenir contra quedas, eles ajudam no equilíbrio do corpo e contribuem para a movimentação mais independente.

Fatores podem aumentar o risco de fratura na terceira idade

Existem muitos aspectos de segurança externos para considerar, mas há também condições de saúde que podem aumentar o risco de quedas na terceira idade. Fique atento:

- Fraqueza muscular
- Declínio cognitivo
- Diabetes
- Artrite ou reumatismo
- Alterações visuais ou posturais

Como o acompanhamento médico pode ajudar?

É importante realizar exames e visitas frequentes ao médico para controle de doenças, como a pressão alta e diabetes, e evitar complicações que propiciem as quedas. Exercícios físicos ou de fisioterapia, por exemplo, podem ajudar a fortalecer os músculos e melhorar a mobilidade e o equilíbrio.

Outra questão essencial é a melhora da visão. O grau de óculos e lentes deve ser reajustado sempre que necessário. Além disso, o tratamento da osteopenia e osteoporose - doenças que determinam a fraqueza dos ossos - é fundamental na prevenção de fraturas por quedas.

Fonte: Dr. Gustavo Cassefo - Geriatra no Hospital Samaritano São Paulo

Últimas novidades

Como funciona a vacina contra HPV?

Saúde

Como funciona a vacina contra HPV?

A vacina contra HPV (Papilomavírus Humano) é uma das formas mais eficazes de prevenir a infecção, que pode ter vários tipos e níveis de gravidade. A transmissão ocorre pelo contato sexual ou de mãe para filho e pode atingir pele e mucosas. Além disso, algumas versões do vírus são agentes causadores de diversos cânceres, incluindo o do colo de útero - que, segundo a Organização Mundial da Saúde, afeta cerca de 290 milhões de mulheres no mundo inteiro. A vacina tem uma ação preventiva contra os tipos mais comuns da infecção e pode ser administrada ainda na adolescência.

Acidente Vascular Cerebral: o que é, causas e como prevenir

Emergência

Acidente Vascular Cerebral: o que é, causas e como prevenir

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é uma dos problemas mais comuns no mundo inteiro. Também conhecido com derrame cerebral, ele acontece por causas variadas e pode levar à morte - ou provocar consequências graves que afetam toda a vida do paciente. A junção de alguns sintomas ajudam a identificar o problema, que precisa de um atendimento médico imediato. O AVC ainda é cercado de mitos e dúvidas, mas uma coisa é certa: o problema pode ser evitado com atitudes simples no dia a dia.

4 benefícios cientificamente comprovados da meditação

Terapias

4 benefícios cientificamente comprovados da meditação

A meditação é um método milenar associado à saúde e ao bem-estar físico e mental. Não se sabe ao certo quando ou onde surgiu, já que a prática acompanha a humanidade desde os seus primórdios, mas uma coisa é certa: a meditação tem ganhado mais popularidade e, inclusive, é indicada no tratamento de diversos transtornos. O método pode ser resumido como um treinamento da mente para esvaziar ou redirecionar os pensamentos. Na prática, é muito mais do que isso e a ciência pode comprovar. Veja abaixo 4 benefícios da meditação com respaldo científico!

Vegetarianismo: o que você precisa considerar antes de fazer a transição?

Alimentação saudável

Vegetarianismo: o que você precisa considerar antes de fazer a transição?

Causa animal, saúde, cuidado com o meio ambiente ou consumo consciente: as motivações para uma pessoa se tornar vegetariana são muitas. O vegetarianismo consiste, basicamente, em não consumir produtos de origem animal (carnes, laticínios e ovos), com algumas variações. Uma pesquisa divulgada pelo Ibope (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística), em abril de 2018, mostrou o crescimento da prática no país: cerca de 14% dos brasileiros se consideram vegetarianos, um aumento de 75% em comparação a 2012. Não há contraindicação para esse tipo de dieta, mas é necessário que você faça um acompanhamento médico para adequar a alimentação sem prejudicar a sua saúde.

Ver mais