Voltar para home page
Odontologia

Saúde bucal infantil: aprenda a cultivar bons hábitos odontológicos com as crianças

Qual a relação entre alimentação e saúde bucal infantil?

Qual a relação entre alimentação e saúde bucal infantil?

Você sabia que a alimentação já é importante para a saúde bucal desde a fase intrauterina? Acontece que, por volta do 5º mês de gestação, o paladar da criança já começa a ser desenvolvido. E se a futura mamãe consumir doces em excesso, por exemplo, a probabilidade de o bebê já nascer com preferência por esses alimentos é maior. A alimentação saudável na gestação, com boa quantidade de proteínas, vitaminas e sais minerais, com moderada quantidade de gorduras e carboidratos influencia na dentição mais saudável dos filhos.

Cárie de mamadeira precisa da sua atenção

A cárie de mamadeira, um problema bucal associado ao uso prolongado de leite ou líquidos açucarados (chás e sucos, por exemplo), apresenta um desenvolvimento rápido. Portanto, caso a criança faça uso frequente desse tipo de alimento na mamadeira, principalmente no período noturno, o ideal é eliminar o hábito o quanto antes.
Outra dica importante é não acostumar o pequeno a ir para a cama com a mamadeira. O problema desse comportamento é que a criança passa a associar o sono com as refeições.

Assim que os dentes de leite nascem, é desejável que a criança elimine o hábito de alimentação antes de dormir. Caso isso não aconteça, a sugestão é substituir o leite pela água, diminuindo gradativamente a quantidade ingerida até que o pequeno abandone esse comportamento.

Introdução alimentar: incluindo as refeições na dieta

Quando a criança passar a se alimentar junto com a família, é importante que os pais deem bons exemplos de alimentação. Lembre-se: na escola, o pequeno tem acesso à diversos alimentos diferentes, incluindo balas e outros açúcares, que são difíceis de serem controlados pelos pais. Por isso, é ainda mais importante que os bons hábitos sejam cultivados de forma natural.

Os doces devem ser dados à criança de forma esporádica. E nunca esqueça da higienização logo após consumir as guloseimas!

Fonte: Dra. Glenda Nahás Bergamasco Dreuzzo
Especialista em Odontopediatria
Consultora Científica do Amil Dental Kids

Últimas novidades

Diabetes I e II: qual a diferença entre os dois tipos da doença?

Saúde

Diabetes I e II: qual a diferença entre os dois tipos da doença?

Diabetes é uma das doenças mais comuns e que mais matam no mundo. Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), existem mais de 13 milhões de pessoas vivendo com a doença no Brasil e os números não param de crescer. Em muitos casos, uma pessoa pode ser diabética sem saber. A diabetes pode se manifestar nos tipos I e II: com ações diferentes no organismo, cada uma demanda um cuidado específico. Entenda mais e veja como evitar as complicações graves.

Quarentena: 5 práticas de autocuidado para deixar seus dias mais leves

Bem-estar

Quarentena: 5 práticas de autocuidado para deixar seus dias mais leves

As recomendações dos principais órgãos de saúde são claras: é preciso ficar em casa para se proteger do novo coronavírus. A quarentena, no entanto, pode ser muito estressante: afinal, estamos no meio de uma pandemia e longe dos amigos e família. Nesse momento, se promover alguns momentos de autocuidado e relaxamento podem ajudar. Pensando nisso, separamos 5 práticas para você cuidar do seu bem-estar físico e emocional e deixar os seus dias mais leves durante esse período difícil. Confira!

Candidíase: o que causa e como aliviar o desconforto?

Saúde

Candidíase: o que causa e como aliviar o desconforto?

A candidíase é uma doença causada por fungos que, em geral, atinge mais a região genital do corpo. Apesar da infecção poder afetar ambos os sexos, as mulheres são as que mais sofrem com o incômodo. A candidíase causa muito desconforto e pode ser desencadeada por desequilíbrios no sistema imunológico, estresse e uso de roupas muito apertadas. Os sintomas mais comuns são ardência, coceira, inchaço, corrimento, dor ao urinar e durante as relações sexuais. Entenda mais sobre o problema e como aliviar!

Como manter o sono regulado na quarentena?

Bem-estar

Como manter o sono regulado na quarentena?

A má qualidade de sono pode trazer diversos prejuízos para a saúde do corpo e da mente. É durante a noite que o organismo passa por processos metabólicos importantes para o seu funcionamento. Dormir a quantidade de horas recomendadas é fundamental para que o corpo se recupere energeticamente. Durante a quarentena, no entanto, as mudanças de rotina, associadas com o estresse e alimentação, podem desregular o sono e até mesmo contribuir para a insônia. Confira algumas dicas de como combater esse problema e dormir melhor nesse período complicado!

Ver mais