Voltar para home page
Saúde

Vacinas para viagens: você sabe como se preparar para as férias?

Antes de planejar uma viagem é importante verificar casos de epidemia no destino e as vacinas recomendadas

Antes de planejar uma viagem é importante verificar casos de epidemia no destino e as vacinas recomendadas

Com a chegada de mais um período de férias, uma preocupação que não pode faltar na sua lista de preparação são as recomendações de vacinas para viagens. No Brasil, a depender do destino, é fundamental estar com o calendário de vacinas atualizado e ficar atento a possíveis epidemias. O mesmo vale para viagens internacionais: alguns países exigem imunizações específicas e também podem apresentar surtos de doenças.

Quais as vacinas recomendadas para viagens?

A vacinação é a principal forma de prevenir determinadas doenças - algumas muito graves. Antes de viajar, é preciso verificar o cartão de vacinas e se programar para tomar aquelas que não estão atualizadas. Entre as orientações básicas ao viajante, também é recomendado marcar uma consulta médica entre quatro e oito semanas antes da viagem para uma avaliação geral de saúde. Veja abaixo as vacinas obrigatórias para viagens nacionais e internacionais e o tempo que precisa estar imunizado antes de viajar:

#1 Febre Amarela

Endêmica na região amazônica e com algumas ocorrências de surtos em outras capitais, a vacina de febre amarela é a melhor forma de prevenir e controlar a doença. O vírus é transmitido pelo Aedes aegypti, também responsável pela contaminação de dengue, zika e chikungunya. Alguns países exigem a vacina para a entrada de estrangeiros por meio do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) - para verificar a lista de países com risco de transmissão e aqueles que exigem o certificado, consulte os sites da Anvisa ou da Organização Mundial da Saúde. A dose padrão da vacina deve ser recebida com pelo menos 10 dias de antecedência.

#2 Poliomielite

Sem casos registrados no Brasil desde 1990, a poliomielite ainda se mantém endêmica em alguns países (Afeganistão, Paquistão e Nigéria) e com incidências de surtos ou em risco de reinfecção em outras regiões - para verificar a lista, acesse o site da Polio Eradication . Adultos e crianças não imunizadas que vão viajar para esses países precisam tomar a vacina pelo menos quatro semanas antes da viagem.

#3 Tríplice Viral - sarampo, caxumba e rubéola

A vacina tríplice viral é o único meio de proteção contra sarampo, caxumba e rubéola. Muitos países permanecem na lista de regiões endêmicas ou apresentam surtos - atualmente, os estados do Amazonas e Roraima enfrentam surtos de sarampo, por exemplo. Se nunca vacinada, a pessoa precisa tomar duas doses. Nas férias, se programe com pelo menos 15 dias de antecedência para atualizar o cartão de vacinas.

#4 Dupla adulto - Difteria e tétano

Ambas prevenidas com a vacinação, difteria e tétano são doenças muito graves que podem levar à morte. Muitos países enfrentam surtos de difteria, infecção que atinge nariz, garganta, faringe e pode chegar ao sangue. Já o tétano afeta o sistema nervoso central. A vacina precisa ser reforçada a cada dez anos para se manter eficaz. Antes de viajar, verifique seu cartão de vacinas.

#5 Hepatites A e B

Alguns países recomendam a vacinação contra as hepatites A e B, inflamações que atingem o fígado. No caso da hepatite B, crianças precisam tomar quatro doses, enquanto adultos que nunca foram imunizados necessitam de três etapas de vacinação - fique atento com os prazos, pois as doses precisam ser aplicadas em intervalos de 30 e 180 dias.

Fonte: Ministério da Saúde

Últimas novidades

O que é autismo? Entenda mais sobre o Transtorno do Espectro Autista

Saúde

O que é autismo? Entenda mais sobre o Transtorno do Espectro Autista

O autismo (ou Transtorno do Espectro Autista, o TEA) é uma condição psiquiátrica que atinge aproximadamente 2 milhões de pessoas no Brasil. O transtorno leva a alcunha de “espectro” por interferir e dificultar várias áreas do desenvolvimento humano: socialização, comunicação verbal e não-verbal, aprendizagem e emoções. O TEA pode se manifestar em diferentes níveis e intensidade, o que define quais áreas serão mais afetadas.

O que 30 minutos de caminhada por dia fazem por você?

Exercício físico

O que 30 minutos de caminhada por dia fazem por você?

Além de garantir um corpo mais saudável, fazer exercícios físicos pode prevenir muitas doenças. A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o sedentarismo o quarto maior fator de risco de morte no mundo, mas nem todos têm tempo ou dinheiro para, por exemplo, frequentar uma academia. Por outro lado, caminhar é uma alternativa simples, fácil e indicada para todas as idades. Descubra os benefícios que apenas 30 minutos de caminhada por dia podem fazer por você!

Quando a febre indica que é hora de procurar um médico?

Saúde

Quando a febre indica que é hora de procurar um médico?

A febre é um aumento da temperatura corporal e costuma ser um sinal de que algo não vai bem. Geralmente, é indicativo de que o organismo está combatendo alguma infecção causada por algum vírus ou bactéria. A febre pode ser um sintoma de uma simples gripe, mas também de doenças mais graves, como dengue, zika e chikungunya, por isso é muito importante saber a hora certa de trocar os cuidados caseiros pela ajuda médica.

7 sinais que indicam a depressão

Terapias

7 sinais que indicam a depressão

A depressão é uma doença psiquiátrica séria que atinge, em média, 2 milhões de pessoas por ano em todo o Brasil. Por muito tempo tratada como um momento breve de tristeza, a depressão está desenhando seus contornos na medicina e sendo considerada como realmente é: uma doença real, perigosa e que pode ser fatal se não tratada corretamente. Para isso, é necessário que o paciente receba o máximo de apoio de familiares e amigos, além de tratamento,. Se você suspeita que algum conhecido pode estar entrando em depressão, fique atento a 7 sinais que ele pode manifestar.

Ver mais