Voltar para home page
Saúde

Trombose: descubra como acontece o problema e quem está mais suscetível

Grávidas estão no grupo de risco de incidência da trombose

Grávidas estão no grupo de risco de incidência da trombose

Para falarmos sobre trombose, primeiro é importante saber que existem dois tipos da doença: venosa e arterial. O de maior incidência é clinicamente chamado de trombose venosa profunda (TVP) - e é caracterizado pela formação de coágulos nas veias de circulação sanguínea profunda. Segundo Marcos Barros, cirurgião vascular do Americas Serviços Médicos, apesar de surgir em diferentes regiões do corpo, a TVP acomete, principalmente, os membros inferiores do paciente.

Quais os sintomas de trombose e tratamentos?

Os sintomas principais da trombose são dores intensas, inchaços, vermelhidão e sensação de queimação na área afetada. Já os tratamentos incluem repouso nos primeiros dias (para evitar embolias) e uso de anticoagulantes prescritos por um médico. “Em casos de tromboses muito extensas, pode haver a necessidade de trombectomia, um procedimento realizado para remoção dos trombos via cateter”, explica Barros.

Grupos de risco

A trombose venosa é muito comum em idosos, gestantes, pacientes oncológicos e pessoas que passaram por cirurgias de grande porte (as de quadril são as que apresentam um dos maiores índices). Os coágulos podem se formar pela estagnação sanguínea dentro da veia - chamada de estase venosa - e fatores que contribuem para a hipercoagulabilidade, como trombofilias ou compressões que ocorrem quando tumores comprimem as veias e impedem a passagem do sangue.

Possíveis complicações

A embolia pulmonar é uma das principais complicações da trombose. Trata-se de um coágulo que se desprende da perna e vai até o pulmão - e pode levar à morte súbita. Após o tratamento da trombose, pode haver uma sequela conhecida como Síndrome Pós-Trombótica - que, apesar de menos comum, pode desencadear manchas, inchaços, dores e até úlceras na região afetada.

Métodos de prevenção e profilaxia

Em pacientes com cirurgias marcadas e de alto risco para TVP, os especialistas que o acompanham devem sugerir o uso de meias elásticas. “Também utilizamos uma máquina de compressão pneumática intermitente”, explica Barros. No pós-cirúrgico são indicados anticoagulantes, que também funcionam como profilaxia para pacientes acamados ou que estão prestes a realizar longas viagens (por conta da pouca movimentação e circulação sanguínea).

Fonte: Dr. Marcos Barros - Americas Serviços Médicos

Últimas novidades

Como funciona a vacina contra HPV?

Saúde

Como funciona a vacina contra HPV?

A vacina contra HPV (Papilomavírus Humano) é uma das formas mais eficazes de prevenir a infecção, que pode ter vários tipos e níveis de gravidade. A transmissão ocorre pelo contato sexual ou de mãe para filho e pode atingir pele e mucosas. Além disso, algumas versões do vírus são agentes causadores de diversos cânceres, incluindo o do colo de útero - que, segundo a Organização Mundial da Saúde, afeta cerca de 290 milhões de mulheres no mundo inteiro. A vacina tem uma ação preventiva contra os tipos mais comuns da infecção e pode ser administrada ainda na adolescência.

Acidente Vascular Cerebral: o que é, causas e como prevenir

Emergência

Acidente Vascular Cerebral: o que é, causas e como prevenir

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é uma dos problemas mais comuns no mundo inteiro. Também conhecido com derrame cerebral, ele acontece por causas variadas e pode levar à morte - ou provocar consequências graves que afetam toda a vida do paciente. A junção de alguns sintomas ajudam a identificar o problema, que precisa de um atendimento médico imediato. O AVC ainda é cercado de mitos e dúvidas, mas uma coisa é certa: o problema pode ser evitado com atitudes simples no dia a dia.

4 benefícios cientificamente comprovados da meditação

Terapias

4 benefícios cientificamente comprovados da meditação

A meditação é um método milenar associado à saúde e ao bem-estar físico e mental. Não se sabe ao certo quando ou onde surgiu, já que a prática acompanha a humanidade desde os seus primórdios, mas uma coisa é certa: a meditação tem ganhado mais popularidade e, inclusive, é indicada no tratamento de diversos transtornos. O método pode ser resumido como um treinamento da mente para esvaziar ou redirecionar os pensamentos. Na prática, é muito mais do que isso e a ciência pode comprovar. Veja abaixo 4 benefícios da meditação com respaldo científico!

Vegetarianismo: o que você precisa considerar antes de fazer a transição?

Alimentação saudável

Vegetarianismo: o que você precisa considerar antes de fazer a transição?

Causa animal, saúde, cuidado com o meio ambiente ou consumo consciente: as motivações para uma pessoa se tornar vegetariana são muitas. O vegetarianismo consiste, basicamente, em não consumir produtos de origem animal (carnes, laticínios e ovos), com algumas variações. Uma pesquisa divulgada pelo Ibope (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística), em abril de 2018, mostrou o crescimento da prática no país: cerca de 14% dos brasileiros se consideram vegetarianos, um aumento de 75% em comparação a 2012. Não há contraindicação para esse tipo de dieta, mas é necessário que você faça um acompanhamento médico para adequar a alimentação sem prejudicar a sua saúde.

Ver mais