Voltar para home page
Saúde

Mitos e verdades sobre reajuste em planos de saúde para empresas

Confira alguns dos principais mitos e verdades sobre reajustes em seu plano de saúde empresarial

Confira alguns dos principais mitos e verdades sobre reajustes em seu plano de saúde empresarial

Quando o assunto é reajuste do plano de saúde que você contratou para a sua empresa, é normal ter dúvidas e preocupações. Por isso, respondemos as 5 dúvidas mais frequentes sobre a modalidade empresarial. Confira!

1. O reajuste é calculado somente pela ANS?

Não. Para planos empresariais com menos de 30 vidas, o cálculo é feito pela operadora de saúde a partir da reunião dessas empresas em um único grupo (chamado de pool) e informado à Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Esse agrupamento respeita a Resolução Normativa 309 da ANS. Assim, a operadora de saúde calcula um único reajuste anual para todas os seus clientes empresariais que façam parte do pool. Esse cálculo considera a sinistralidade do grupo, ou seja, o custo que cada atendimento médico realizado no período gerou para a operadora.

Já para planos não aderentes ao pool, não regulamentados ou com mais de 30 vidas, o reajuste segue o que foi estipulado no contrato, por isso, esteja sempre atento às regras.

2. É possível um beneficiário ter dois reajustes no mesmo ano?

Sim. Caso o beneficiário faça aniversário, mudando de faixa etária no mesmo período do reajuste anual, o plano sofrerá os dois reajustes. Consulte sempre o seu contrato.

3. O reajuste dos planos pode ficar maior que a inflação de consumo (IPCA) conforme os avanços da medicina?

Sim. O reajuste é definido visando recompor o equilíbrio financeiro do contrato e garantindo a continuidade e viabilidade do atendimento prestado pela operadora de saúde. Os investimentos em tecnologia permitem avanços, mas refletem na inflação médica - maior responsável pelo custo dos planos de saúde nos últimos anos. Por isso, eles também são considerados no cálculo.

4. Se o índice de reajuste para contrato individual ou familiar definido pela ANS foi menor do que o meu reajuste, isso significa que o valor reajustado foi abusivo?

Não. O índice definido pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) é válido apenas para os planos individual ou familiar. Já os planos empresariais variam em função do número de vidas. Conforme visto acima, para empresas com menos de 30 vidas, o cálculo é feito pelo pool e informado à ANS. Para empresas com mais de 30 vidas, o reajuste é previsto em contrato.

5. Fiz o plano de saúde empresarial há menos de um ano. Terei reajuste anual?

Não. Para planos empresariais regulamentados, os reajustes ocorrem apenas no aniversário do contrato - ou seja, após 1 ano de uso.

Últimas novidades

Mitos e verdades sobre o reajuste de plano de saúde

Saúde

Mitos e verdades sobre o reajuste de plano de saúde

Algumas dúvidas podem surgir quando o assunto é reajuste do plano de saúde. Afinal, quem calcula o valor? É possível ficar acima do IPCA? Posso ser cobrado duas vezes? Saiba a resposta para essas e outras perguntas no conteúdo que preparamos para você. Confira!

Saiba mais sobre o reajuste de plano de saúde para planos individuais

Plano de saúde

Saiba mais sobre o reajuste de plano de saúde para planos individuais

A taxa de reajuste no valor dos planos de saúde ocorre todos os anos. Essa porcentagem nem sempre é a mesma da inflação e, por isso, muitos ficam em dúvida sobre como esse cálculo é feito. Para ajudar, confira o conteúdo que preparamos com as regras para planos de Pessoa Física.

Vacinação: quais são as vacinas recomendadas para adultos e a importância de se proteger

Saúde

Vacinação: quais são as vacinas recomendadas para adultos e a importância de se proteger

Assim como as crianças, os adultos também têm um calendário de vacinação a cumprir. Além da vacina anual contra gripe, o Ministério da Saúde recomenda quatro imunizações para pessoas entre 20 e 59 anos que possuem o esquema vacinal completo (quem não tem o calendário atualizado precisa procurar um serviço para atualização). Parte da população, porém, só toma vacinas em grandes campanhas ou em caso de epidemias - O CVE (Centro de Vigilância Epidemiológica) alerta que os índices de cobertura vacinal estão abaixo do nível ideal de cobertura. Estima-se uma média de apenas 4,7%.

Conheça os alimentos mais ricos em Vitamina C

Alimentação saudável

Conheça os alimentos mais ricos em Vitamina C

A vitamina C é um nutriente essencial para a saúde e bom funcionamento do corpo humano. Reconhecida pelo alto poder antioxidante, ela é capaz de melhorar a imunidade e deixar o organismo mais forte para agir contra doenças causadas por microorganismos. Por isso a vitamina C é muito associada com a prevenção de problemas respiratórios, que aparecem com mais frequência no inverno. Encontrada em frutas cítricas e outros vegetais, o nutriente também é responsável pela produção do colágeno: essa proteína muito associada à beleza é fundamental para a sustentação dos tecidos, ossos, dentes e parede dos vasos sanguíneos.

Ver mais