Voltar para home page
Emergência

Hipertensão: como a doença afeta outras áreas do seu corpo?

Hipertensão pode ter efeitos no cérebro, rins e visão!

Hipertensão pode ter efeitos no cérebro, rins e visão!

A hipertensão arterial é uma doença muito comum, que atinge pessoas de todas as idades, gêneros e origens. Segundo o Ministério da Saúde, um a cada quatro adultos brasileiros são diagnosticados com a doença e cerca de 34 pessoas morrem por hora de doenças cardiovasculares. O que pouca gente sabe é que a doença, também conhecida como pressão alta, pode afetar outros órgãos além do coração. Rins, olhos e cérebro são as partes do corpo que mais podem ser prejudicadas pela hipertensão. Entenda abaixo as principais complicações desencadeadas pela doença!

O que causa a hipertensão?

Antes de tudo, é preciso entender como a hipertensão se desenvolve. Uma das funções do coração é bombear sangue para o restante do corpo por meio das artérias. A ação é dividida em pressão sistólica (contração do coração para bombear o sangue) e diastólica (quando o coração relaxa e se enche de sangue novamente). São essas medidas que aparecem quando você vai aferir a pressão. O ideal é que a pressão sistólica não passe de 120 mmHg e a diastólica fique em torno de 80 mmHg. Quando os valores ultrapassam esse limite, quer dizer que o coração está se esforçando mais que o normal para fazer com que o sangue chegue em todas as áreas do corpo. É aí que a hipertensão surge!

Pressão alta aumenta as chances de derrame

O cérebro é responsável por muitas funções no nosso organismo. Quando o coração não consegue bombear o sangue de forma eficaz, a oxigenação cerebral também é prejudicada. É nessas oscilações que as chances de ter um Acidente Vascular Cerebral (AVC) aumentam. Algumas capacidades do órgão, como a memória, aspectos cognitivos e atenção, também podem ser afetadas.

Insuficiência renal é uma consequência da hipertensão

A principal função dos rins é filtrar o sangue para eliminar substâncias e impurezas que podem prejudicar o funcionamento do organismo. Umas das consequências da pressão alta não controlada é a insuficiência renal. Com o bombeamento prejudicado, o fluxo sanguíneo chega ao órgão de forma reduzida.

Hipertensão pode causar cegueira

Pouca gente associa a hipertensão com problemas na visão, mas a doença também pode afetar a sua retina e até causar cegueira. A retinopatia hipertensiva ocorre quando os vasos sanguíneos ficam mais estreitos ou quando as paredes arteriais apresentam rigidez. Esses quadros podem acarretar hemorragias e até descolamento da retina.

Como evitar a hipertensão?

Os sintomas das complicações da pressão alta podem variar, mas geralmente envolvem dor no peito, tontura, dor de cabeça, fadiga e até sangramento nasal. A melhor forma de evitar a hipertensão é manter um estilo de vida saudável: evitar a ingestão de gorduras que podem elevar o colesterol, consumir alimentos nutritivos e variados e praticar exercícios físicos regularmente são algumas das coisas que você pode fazer pelo seu coração.

Fonte: Ministério da Saúde

Últimas novidades

Câncer de ovário: causas, como identificar e tratamentos

Saúde

Câncer de ovário: causas, como identificar e tratamentos

O câncer de ovário é difícil de ser diagnosticado, sendo a segunda neoplasia ginecológica mais comum. Esse tipo de câncer é o mais letal entre os cânceres ginecológicos. Mais frequente em mulheres com mais de 40 anos, o câncer de ovário demora a apresentar sintomas, o que resulta no diagnóstico tardio. Estima-se que cerca de 75% dos casos são diagnosticados quando a doença já está avançada.

Como manter a diabetes controlada?

Saúde

Como manter a diabetes controlada?

A diabetes é uma doença metabólica em que o corpo não consegue produzir uma quantidade suficiente de insulina, hormônio responsável pelo controle da glicose no sangue. Com a falta da substância, o paciente diabético sofre com o aumento do nível de glicose na corrente sanguínea, que é o que chamamos de hiperglicemia. Segundo o Ministério da Saúde, estima-se que 9 milhões de pessoas têm diabetes, e infelizmente esse é um número que só cresce a cada ano. Então, o que fazer para manter a diabetes controlada? Separamos algumas dicas que podem ajudar no problema.

Escutar música alta pode comprometer a audição?

Saúde

Escutar música alta pode comprometer a audição?

Ouvir música é um hábito que faz parte da vida de muita gente. Basta ir às ruas e observar a quantidade de pessoas com fones de ouvido imersos em seu próprio universo para se dar conta de como a música está presente em todo lugar. No entanto, é importante ficar atento ao volume e a frequência desse hábito. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), quase 50% das pessoas entre 12 e 35 anos correm o risco de sofrer perda auditiva por causa da exposição prolongada e excessiva a sons muito altos, o que corresponde a 1,1 bilhão da população.

Exercícios físicos na gravidez: qual a importância e os cuidados durante a prática

Exercício físico

Exercícios físicos na gravidez: qual a importância e os cuidados durante a prática

Quando uma mulher está grávida, surgem muitas dúvidas sobre a realização de atividades físicas durante a gestação e como isso deve ser feito sem prejudicar a saúde da nova mamãe ou do bebê que está a caminho. É importante conversar com o obstetra antes de dar início a essa rotina, mas geralmente os exercícios físicos são bastante benéficos para o desenvolvimento da gestação. Para entender melhor quais são os benefícios dessa prática, quais são os exercícios físicos mais indicados para mulheres grávidas e que cuidados são necessários, o Cuidados Mil preparou uma matéria com tudo que você precisa saber sobre o assunto.

Ver mais